Publicado por: jSaggiomo | 06/12/2009

Pane deixa prédio de dez andares do Ibama em SP sem elevadores desde sexta

Pane deixa prédio de dez andares do Ibama em SP sem elevadores desde sexta.

Desde a última sexta-feira (27), funcionários do Ibama (Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis) em São Paulo têm de usar as escadas para chegar ao andar onde trabalham devido a uma pane nos elevadores do edifício, que tem dez andares. O problema, ainda não solucionado nesta quarta-feira, foi comunicado ao Contru (Departamento de Controle do Uso de Imóveis), da secretaria municipal de Controle Urbano, por funcionários do instituto.
De acordo com Carlos Daniel Gomes Toni, analista ambiental do Ibama e membro da diretoria do Sindsef-SP (Sindicato dos Trabalhadores no Serviço Público Federal no Estado de São Paulo), cerca de 200 pessoas circulam pelo edifício todos os dias, e ao menos cinco gestantes trabalham no local.
"É um problema que põe em risco os funcionários, e não foi oferecida nenhuma alternativa para as mulheres que estão grávidas, nem pessoas com necessidades especiais", afirmou o servidor à Folha Online.
Por conta do problema, funcionários do Ibama paralisaram o trabalho por uma hora durante a manhã desta quarta para protestar, informou o sindicalista. De acordo com ele, os servidores também fizeram um abaixo-assinado para que problema seja solucionado e ameaçam paralisar os trabalhos a partir de amanhã (3).
A pane afetou os dois elevadores do edifício. Após três dias, Toni decidiu formalizar a reclamação na Prefeitura de São Paulo, para que fosse feita uma vistoria de emergência no local.
À Folha Online o Contru informou que, em casos como este, é feita uma vistoria para verificar se realmente existe o problema, e orientar o condomínio sobre as medidas que devem ser tomadas. O órgão não confirmou, porém, se o prédio do Ibama deverá ser vistoriado.
Entretanto, o Contru esclareceu, por meio de sua assessoria, que cabe ao próprio condomínio acionar o serviço de manutenção dos equipamentos. E em caso de acidentes com os elevadores, o condomínio pode responder civil e criminalmente, se for constatada que houve negligência em relação à manutenção.
De acordo com o sindicalista, devido à pane nos equipamentos, muitos funcionários do Ibama estão deixando de sair do prédio para almoçar, por exemplo, para evitar o sobe e desce pelas escadas. "As pessoas estão se privando do seu direito de locomoção. Isso é um contrassenso. O Ibama é um órgão que zela pelo meio ambiente, mas não cuida do ambiente de trabalho dos seus funcionários", afirmou.
A Folha Online entrou em contato com o Ibama em São Paulo e em Brasília nos últimos dois dias para esclarecer as informações, mas até as 12h de hoje ainda não havia obtido resposta.

Fonte: BOL Notícias

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: