Publicado por: jSaggiomo | 10/05/2010

Pane em elevador deixa moradores apavorados em Vila Velha

Os moradores do Edifício Aurora, que fica em Itapuã, Vila Velha, estão apavorados com a situação dos elevadores do prédio que, desde novembro do ano passado, têm passado por vários problemas, pondo em risco a vida das pessoas, segundo os condôminos.
Nesta quinta-feira (06), depois que uma moradora foi parar no hospital após passar pelo susto do elevador despencar do décimo andar para o quinto andar, sem parar, os condôminos resolveram levar a história a público para tentar resolver a questão. Nesta sexta-feira (07), técnicos da empresa responsável pelos elevadores estiveram no local para a manutenção dos equipamentos.
A auxiliar de escritório Dora das Chagas, 57 anos, que sofre de hipertensão, depois da queda, teve que ser medicada. Hoje, ela teve que voltar ao hospital para se consultar, porque ainda não estava se sentindo bem depois do ocorrido. Agora, ela anda de elevador somente acompanhada por outra pessoa. Caso não consertem o elevador, ela pensa em se mudar para outro prédio.
"Eu estava indo fazer compras com minha nora e meu neto de 8 meses. Nós moramos no décimo andar e quando entramos no elevador e apertamos o botão do térreo, ele desceu com tudo, direto, fazendo um barulho horrível e só foi parar no quinto andar, porque estávamos apertando todos os botões. Eu passei mal, fui para o hospital e minha pressão ainda não está controlada. Não desejo isso para ninguém. Eu pensei que fosse morrer, que o elevador ia cair no fosso", diz Dora.  
O marido da administradora Viviane Lombardi, 29 anos, também ficou preso dentro do elevador por uma hora, na última segunda-feira (03), e aos gritos conseguiu que os moradores do andar em que estava preso o ouvisse, já que o alarme para emergência também estava quebrado. Ele foi retirado com a ajuda dos vizinhos que, com um pé de cabra, abriram a porta, e o puxaram, já que ele estava em desnível com a altura do piso do andar em que o elevador parou. Viviane conta que o marido teve taquicardia e chegou aos prantos em casa, depois do fato.
"Esse elevador está dando problema direto e o medo dele é acontecer isso comigo, porque eu estou grávida de seis meses e tem um bebê de 1 ano e se isso acontecer comigo e eu perder o meu filho ou morrer? E se uma pessoa hipertensa cair ali e morrer? A gente não pode esperar que uma tragédia aconteça para tomar providência e a gente está sofrendo com isso".
Outra preocupação dos moradores é que o elevador sobe e desce sem parar quando entra em pane, deixando todos apreensivos. "Quem mora no primeiro andar e quer descer, entra no elevador e, às vezes, ele sobre sozinho para a cobertura, vai e volta, e sabe lá Deus o que pode acontecer", conta Viviane.
Os condôminos contaram que já relataram o problema para a empresa que administra o condomínio e para a empresa responsável pelos equipamentos, mas as manutenções acontecem, constantemente, sem resultado eficaz, de acordo com eles. Nesta sexta-feira, técnicos da empresa Atlas-Schindler, responsável pelos elevadores, estiveram no local para realizarem a manutenção dos equipamentos. Um laudo será entregue para a empresa que administra o condomínio, a Condovila, com os problemas encontrados nos elevadores – tanto o de serviço quanto o social – para apontar se eles precisarão ser substituídos.

Melina Mantovani – Da Redação Multimídia
Fonte: Gazeta Online

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: