Publicado por: jSaggiomo | 19/07/2010

Parece mentira! Escada rolante parada há 1 ano na rodoviária

As escadas rolantes não são as únicas que não funcionam no terminal. Um elevador projetado para “uso exclusivo para idoso, gestante e pessoas com necessidades especiais” está a mais de dois anos sem funcionar.

Quem embarca freqüentemente no Terminal Rodoviário Lucídio Portela dificilmente encontra as escadas rolantes funcionando. Uma delas está parada há mais de um ano e a segunda parou há quase dois meses. Por conta disso, os usuários sofrem para subir as escadas com as bagagens e muitas vezes é preciso contar com a solidariedade de algum funcionário do terminal ou mesmo pagar algum carregador. “Só nesse mês, já embarquei três vezes aqui e sempre venho com muita bagagem. É um transtorno e um descaso com os usuários. Tive que pagar R$ 6 para levarem minha bagagem”, afirmou a professora Osmália Lira.

Ela afirma que o problema ainda passa uma imagem negativa de Teresina às pessoas que vem de outros Estados e passam pela rodoviária. “Pagamos impostos, taxa de embarque e nem com isso podemos contar”, completou. A situação é pior quando envolve pessoas idosas, que têm mais dificuldade para subir as escadas. Nessa época do ano, a cena é ainda mais comum, pois a movimentação na rodoviária aumentou 30% por conta das férias de julho. Diariamente, a rodoviária está registrando um fluxo de até três mil pessoas, enquanto o fluxo normal é de 1,8 mil usuários.

As escadas rolantes não são as únicas que não funcionam no terminal. Um elevador projetado para “uso exclusivo para idoso, gestante e pessoas com necessidades especiais” está a mais de dois anos sem funcionar. Sem o elevador, os cadei-rantes que embarcam no terminal rodoviário precisam enfrentar uma longa rampa. O gerente da rodoviária, Expedito Ferreira, afirmou que a manutenção das escadas rolantes é de responsabilidade da Secretaria Estadual dos Transportes. Segundo ele, foi aberta uma licitação para garantir o conserto das escadas, que deve começar na próxima semana.

O diretor Financeiro da Setrans, Agamenon Ferreira, afirmou que o orçamento para o reparo das escadas já foi liberado e serão gastos R$ 20 mil. De acordo com ele, o conserto deve começar na próxima segunda-feira, mas só será concluído em 15 dias. “Tem que fazer uma revisão geral, trocar as peças das escadas, que já são bem antigas”, completou. Ele explicou que não há nenhum contrato de manutenção com uma empresa terceirizada. “Após o reparo, nós vamos fazer um contrato de manutenção”, afirmou.

Sobre o elevador, o diretor reconheceu o problema, mas disse não saber quando ele será resolvido. Não há recurso destinado ainda para o conserto do elevador.

SERVIÇOS
Para manter todos os serviços funcionando, a rodoviária de Teresina emprega centenas de pessoas em todas as suas dependências, não só no tratamento direto com o usuário como através das empresas prestadoras de serviço das mais diversas transportadoras do Brasil.

JULIANA NOGUEIRA/AI5
Fonte: Campo Maior Em Foco

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: