Publicado por: jSaggiomo | 26/01/2012

Homem é resgatado dentro do elevador de prédio que desabou no RJ.

Ele foi encontrado pelos bombeiros em estado de choque dentro do elevador. O servente Alessandro da Silva Franco Santos foi retirado apenas com escoriações dentro do elevador de um dos prédios que desabaram na noite de quarta-feira no centro do Rio. Ele foi encontrado pelos bombeiros em estado de choque dentro do elevador. Santos foi levado para o Hospital Souza Aguiar por volta das 23h horas.

O operador de refrigeração Nelson Gomes, escapou por pouco do desabamento. Ele estava no 10º andar de um dos edifícios com outras dez pessoas quando ouviu um forte barulho. "Desci as escadas correndo, desesperado. Quando saí do edifício, ele desabou. Escapei por um triz. Foi obra de Deus", disse. A queda dos dois prédios ocorreu por volta das 20h30. Os edifícios –um de 20 e outro de 10 andares, segundo o prefeito- ficavam na avenida Treze de Maio, na Cinelândia, perto do Theatro Municipal. Os dois prédios desabaram por volta das 20h30. Até as 23h, cinco pessoas feridas haviam sido retiradas dos escombros e levadas para o Hospital Souza Aguiar, também no centro. O estado mais grave era de Cristiane do Carmo, 28, que sofreu uma fratura no crânio e passaria por uma cirurgia. O edifício Liberdade, de 20 andares, e o Colombo, de dez andares, desabaram e jogaram escombros nos prédios vizinhos. Havia suspeitas que um terceiro prédio pudesse ter sofrido abalos, mas uma vistoria feita pela Defesa Civil afastou a possibilidade de novo desabamento. De acordo com o prefeito Eduardo Paes (PMDB), que acompanhou os trabalhos de resgate, ainda não era possível determinar as causas do acidente. "Possivelmente foi um problema estrutural", disse. Até as 23h, os bombeiros não tinham estimativa de quantas pessoas poderiam estar sob os escombros, mas afirmavam achar difícil haver sobreviventes. Às 21h30 houve um princípio de incêndio. De acordo com bombeiros, havia forte cheiro de gás no local. Jornalistas e curiosos foram afastados. Um cordão de isolamento mantinha todos a cerca de um quarteirão do local do desabamento. Foram fechados os dois sentidos da avenida Almirante Barroso, entre a rua Senador Dantas e a avenida Rio Branco. A rua Evaristo da Veiga também foi interditada ao tráfego, segundo a CET-Rio. Quatro estações do metrô no entorno do desabamento foram evacuadas: Uruguaiana, Carioca, Cinelândia e Presidente Vargas. A linha 1 opera de Ipanema/General Osório a Glória e de Saens Peña a Central. A linha 2 opera de Pavuna a Estácio. Fiscais da CEG (companhia de gás do Rio) foram chamados para fechar as tubulações de gás, por medida de segurança. A empresa informou que não havia registro de reclamações de vazamento de gás no prédio, nem vistoria agendada. A Light desligou o fornecimento de energia nos arredores para evitar incêndios.

Fonte: Midia News

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: